quinta-feira, 22 de abril de 2010

Introdução a fotografia

Viva a era digital. Você tira suas fotos, conecta um cabo no computador (ou bluetooth) e vê as imagens tiradas ali, em questão de segundos. Para revelar, o trabalho será um pouco mais extenso. Mas não se preocupe. Você pode achar um quiosque de fotos em qualquer supermercado, shopping ou nas costumeiras lojas de foto. Leve o cd, pen drive, chip ou qualquer que seja o aparelho de armazenamento e pronto, a foto aparece toda lindinha para você, novamente em questão de segundos.

A tecnologia nos deixa mal acostumados. É engraçado. Esse semestre estou tendo introdução a fotografia na faculdade e o confronto com os métodos antigos está me deixando maluca. Não por mal, é claro. Afinal, estou adorando ter contato com o laboratório e as técnicas de revelação.
Mas, a diferença é absurda. Primeiro tem que alugar a máquina, depois colocar o filme, tirar as fotos, revelar e só depois ver! Imaginem, você tem ideias maravilindas para suas fotos, clica aqui, clica lá, fica naquela ansiedade e quando amplia vê que não ficou tão boa assim.

Tive dois exercícios para fazer. O primeiro foi tirar fotos de texturas, movimento e luz. Mas, nesse eu esqueci de marcar as aberturas e velocidades, então, embora as fotos tenham ficado boas eu não tenho um parâmetro para ver se estou no caminho certo.
O segundo, eu preveni, a cada clique eu tinha um bloquinho e uma caneta para marcar os dados. Dessa vez, as fotos eram de profundidade de campo. E, infelizmente, não ficaram daquele jeito.

Mas, é uma paixão. Impossível quem não gosta de fotografar. Aos pouquinhos eu vou pegando o jeito e melhorando. Nos exercícios da faculdade, usei filme PB, mas comprei um colorido antes e tirei uma fotos da minha irmã, que está grávida. É uma emoção gostosa quando a foto fica bacana, e é isso que faz o "querer aprender cada vez mais"!

(Primeira foto ampliada. Os movimentos estão nas bolhinhas da água com gás. HAHA)


(Copião - todas as fotos)

(Jú, Dê e João Vitor tchuthcuco da tia - fotos caseiríssimas, típicas de grávidas)

6 comentários:

Debbys disse...

gente!!!!!!! adorei a foto da sua irmã! parabéns pra ela!!! ficou linda!! parabéns pra vc tbm!!!
Bom, eu ainda naum tenho matéria de fotografia, mas já tenho trabalhos nos quais preciso usar a cam, mas a que tiver em casa mesmo... o bo mda digital é justamente poder ver se ficou do jeito que vc queria ali, na hora... ah, mas deve ser bem legal do jeito q vc tá fazendo.. xD
bjusss

Jess disse...

Eu tive aulas de fotografia. Dá um trabalhão pra regular foto e luz oO enquanto qualquer um pega uma máquina qualquer e tirar milhões de fotos por aí. Mas, vamos combinar, as fotos em que vc regula tudo saem bem melhores que as outras

Anônimo disse...

This will astonish you!
Please see before you judge!

ZEITGEIST: ADDENDUM

http://www.zeitgeistmovie.com/

Money as debt

http://www.youtube.com/watch?v=vVkFb26u9g8

project camelot magnetic motor

http://www.youtube.com/watch?v=hkgyY47duCM

Importante please pass forward

Anna disse...

Acho que câmeras digitais são uma beleza por causa da instantaniedade e do fato de que você não tem que ficar se preocupando com filme, essas coisas. Mas que as analógicas tem toda sua poesia não dá pra negar!
Beijos

Andréia disse...

ah eu curto fotografia. quem sabe um dia eu n faço um curso ..

beijossss

Nathália c. disse...

curto muito fotografia tb *-* mas não pretendo seguir isso não ! aaah ' gostei do texto ;) http://nathalia-cardoso.blogspot.com/ qdo puder :D